24.5.17

Resenha #104 | O Sol também é uma estrela, de Nicola Yoon | Editora Arqueiro


O Universo: Cada momento de nossas vidas nos trouxe a este instante único. Há um milhão de futuros diante de nós. Qual deles se tornará realidade?

FICÇÃO/ROMANCE JUVENIL | 288 PÁGINAS | EDITORA ARQUEIRO | AVALIAÇÃO 5/5 + FAV | SKOOB


Natasha e Daniel não poderiam ser mais diferentes. Ela só acredita em fatos que podem ser comprovados através de experimentos ou estudos, e seu grande sonho é ser cientista de dados. Daniel já tem toda a vida planejada: iria terminar o ensino médio e cursaria medicina. Lutaria para ser bem sucedido na área e seria o orgulho dos pais. O problema é que esses são os sonhos de seus pais, não dele. Só o que ele deseja é ser poeta, mas, com medo de contrariar a família, acaba resignando-se a um sonho que não pertence a ele.

A família de Natasha se mudou para os Estados Unidos quando a menina tinha apenas oito anos e vivem no país desde então. Saíram da Jamaica para seguir o sonho do pai de ser ator, mas a idade vai pesando, as portas vão se fechando e o homem fica acomodado, deixando para a esposa a responsabilidade de trabalhar e sustentar a família. No entanto, eles vivem no país de forma ilegal, pois o visto durava apenas dois meses, e esse crime é descoberto por um deslize do pai, fazendo com que a família recebesse a intimação de deportação urgente.

Só estou procurando alguém para me salvar. Estou procurando alguém para me tirar dos trilhos em que minha vida está porque não sei como fazer isso sozinho.

A menos de 24 horas de precisar partir, Natasha faz o que pode para tentar permanecer nos Estados Unidos, cumprir todos os planos que havia feito e não ter a vida destruída pelos erros do pai. E a primeira coisa que ela faz é procurar a ajuda no prédio do Serviço de Imigração e Cidadania dos Estados Unidos.

Daniel é coreano-americano e vive sob a constante pressão dos pais, que só desejam que ele se torne alguém na vida. Sua mãe abandonou os sonhos para formar uma família e seu pai faz de tudo para que Daniel e seu irmão, Charlie, não tivessem a mesma vida que eles tiveram, por isso não é aceitável que Daniel escolha alguma profissão inferior à medicina. Seus pais queriam a todo custo que ele ingressasse em Harvard, a melhor escola, a mesma de seu irmão, mas, pela primeira vez, ele bateu o pé e fez suas próprias escolhas. É por isso que passamos a acompanhar a trajetória dele até uma entrevista que decidirá se ele será aluno da Universidade Yale ou não.

– Quem se importa com o que você quer? Só importa o que é bom para você. Sua mãe e eu nos importamos com o que é bom para você. Você vai para faculdade, vira médio, tem sucesso. [...] Aí tem dinheiro e respeito e então todas as coisas que você quer vão chegar. [...] Por que jogar fora o futuro por causa de coisas temporárias que você só quer agora?

Os caminhos dos nossos personagens se cruzam de uma maneira fantástica e até assustadora. O encontro deles depende de muita coisa e é legal perceber que vários acontecimentos possibilitaram que eles estivessem no mesmo lugar e na mesma hora. O compromisso dos dois era no mesmo prédio, mas em horários diferentes, então muitos desvios foram necessários para que eles se encontrassem e, quando isso aconteceu, foi lindo demais.

Tanto Daniel quanto Natasha já possuíam ideias bem fixas sobre o futuro e sobre aquilo que escolheriam seguir, mas, após se conhecerem, vários questionamentos passaram a tomar conta de seus pensamentos, de modo que eles passaram a se perguntar o que era certo fazer e o que não era.  E o mais legal disso tudo é que todo o desenrolar da história aconteceu em apenas um dia. Eles saíram de suas casas, destinados a chegarem a seu destino, sem nem ter consciência da existência um do outro, enfrentaram várias distrações ao longo do caminho, esbarraram-se e ali surgiu o relacionamento.

Vejo a esperança escancarada em seu rosto. E se não tivesse dado certo? Como sobreviveríamos separados? Porque agora parece impossível a ideia de não pertencermos um ao outro. Mas afinal de contas, penso, claro que sobreviveríamos. A separação não é fatal.

O ponto é que, mesmo tudo acontecendo em menos de 24 horas, a escrita da autora, de alguma forma, fez com que tudo fosse natural, espontâneo; em nenhum momento achei que aquilo era um absurdo, pois dava para acreditar que, em algum lugar do mundo, alguém poderia passar por aquilo. A relação de Daniel com Natasha foi muito fofa, porque, conforme as páginas foram passando, tínhamos a sensação de que eles se conheciam há anos!

O livro aborda diversos assuntos, que vão desde a imposição dos pais em relação ao futuro dos filhos até racismo, uma vez que os pais de Daniel queriam que seus filhos se relacionassem apenas com garotas coreanas e ficaram chocados quando ele apresentou uma garota jamaicana de cabelo afro – inclusive, um dos desejos da personagem era pintar as pontas de rosa e essa foi uma das coisas que me deu vontade de também pintar dessas cor (e estou amando!). Somos apresentados a temas como imigração, deportações e as mais variadas diferenças culturais através dos personagens.


– E os amantes que passam horas se olhando nos olhos? É uma demonstração de confiança? Vou deixar você chegar perto e vou confiar que você não vai me ferir enquanto estou nesta posição vulnerável.

O Sol Também É Uma Estrela terminou de uma forma que eu realmente não esperava e não estava em condições de presenciar. É diferente de tudo o que eu havia planejado para as últimas páginas, mas definitivamente a escolha da autora foi a melhor. Ainda quero saber o que aconteceu depois do final, mas não sei se algum dia terei essa chance. A edição da Arqueiro ficou linda e o exemplar ainda veio acompanhado de uma almofada e uma cartela de tatuagens removíveis com imagens retiradas do livro. Os capítulos são intercalados entre Natasha e Daniel, o que nos permite conhecer ainda mais os dois, tudo o que é enfrentado por eles e como ambos enxergam o mundo e as experiências que passam a viver. Definitivamente é um livro que recomendo. ♥

29 comentários:

  1. Ola
    So leio bons comentários sobre esse livro e é claro que está na minha lista de desejados. Pelo visto você conseguiu se surpreender e é claro que suas impressões me deixaram ainda mais motivada, sem contar que acho muito interessante sobre as diferentes abordagens no enredo.
    Sou apaixonada por essa capa e nao vejo a horw de ter meu exemplar em mãos!
    Beijos, F

    ResponderExcluir
  2. To bem ansiosa pra ler esse livro de tanto que estão comentando! Parece ser muito bommm

    xox
    Próxima Primavera

    ResponderExcluir
  3. Oi
    Esse livro está bem popular na blogosfera, apesar disso eu estava totalmente por fora do que ele trata, achei interessante o fato de a história se passar em apenas 24h nunca li nada do tipo, os dramas dos personagens são bem realistas, e acredito que dessa forma seja muito mais fácil torcer e solidarizar, não gosto nada dessa capa, mas a história me atraiu e já pretendo ler ele assim que possível.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Os livros da Nicola são sempre muito emocionantes. Eu li apenas Tudo e Todas as Coisas que foi recentemente adaptado, mas quero muito conhecer as outras obras dessa autora.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá! Tudo bem?

    Menina, eu li recentemente Tudo e Todas as Coisas e fiquei COMPLETAMENTE APAIXONADA pela autora e sua escrita!

    Solicitei O Sol Também é Uma Estrela e não vejo a hora dele chegar! ❤

    Beijos e até!

    www.dreamsandbooks.com

    ResponderExcluir
  6. Oii
    Estou louca para ler esse livro. Adorei o primeiro livro da autora e to muito curiosa para conhecer toda a história desse, principalmente pelo tema que ele aborda.
    Bjus

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Estava toda feliz lendo sua resenha, aí comecei a ler o último parágrafo e meu coração parou, pensei, o final foi, de fato surpreendente, mas acho que ele não poderia ter sido diferente. O Daniel e a Natasha aprenderam muito sobre a vida no curto espaço de tempo que ficaram juntos e achei isso muito bonito.
    Espero ter a oportunidade de reler esse livro muito em breve.
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Li alguns posts sobre esse livro e acho a premissa muito boa, fiquei curiosa para saber tudo sobre os dois personagens principais.
    Beijos
    Mari
    www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir
  9. Oii, tudo bem?
    Tenho ouvido muitos comentarem sobre essa trilogia e tenho muitaaa vontade de ler por conta de ser uma ficção científica. Ameiii ver o quanto você gostou, já ouvi falar que a escrita da autora é maravilhosa.

    ResponderExcluir
  10. Olá,

    Estou muito curiosa quanto a essa história, a premissa é interessante, os comentários são sempre positivos e essa capa é linda demais! Só tenho prós para fazer essa leitura. No entanto, evito ler livros no hype, por conta das expectativas.

    ResponderExcluir
  11. Oi!
    Eu ganhei esse livro LINDO de um sorteio e acho que será minha próxima leitura! Além da capa MARAVILHOSA em aquarela, os personagens são de etnias diferentes e isso é muuito raro na literatura! Acredito que será um lindo romance e mal posso esperar para começar! Bela resenha, amei os quotes! ♥

    ResponderExcluir
  12. Olá, tudo bem?
    Eu amei conferir a sua resenha. Esse livro já garantiu um lugar no meu coração e foi a minha leitura favorita do ano até agora.
    Antes de ler, tive um certo receio pelo fato a história toda se passar em um dia, mas concordo com você e achei que a autora conseguiu tornar tudo convincente. E a Natasha e o Daniel são realmente muito cativantes <3
    Adorei sua resenha e achei uma ótima indicação de leitura.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Li apenas um livro da autora e amei intensamente, então, é imperativo que eu queira muito ler este aqui e tenho quase certeza que vou amar a leitura outra vez. Suas fotos ficaram lindas e me fizeram desejar ainda mais ter o meu livro em mãos.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Mulher, eu AMEI essas fotos! Eu não sabia se lia a resenha ou ficava babando pelas fotos haha <3 Esse livro é até popular e imensamente bem falado por todos que eu conheço ou já li resenhas, é quase impossível não ficar curiosa sobre o livro ainda mais quando você fala que o desenrolar da história ocorreu em apenas um dia, isso é bem inédito para mim. Eu realmente tenho preferências a livros que tenham diversos assuntos, então isso definitivamente me chama a atenção. A sua resenha está incrível, deu pra sentir o quanto você gostou da história. Obrigada pela dica! ♥
    Um beijo

    ResponderExcluir
  15. Eitaa...sem antes de terminar a sua resenha já adorei ler sobre esse livro. Quero comprar e ler logo. A autora me parece escrever muito bem, e o fato do livro ser contado em "24 horas" me dá uma animação maior. Adorei mesmo, de verdade. Me cativou a história. Obrigada pela ótima dica.

    ResponderExcluir
  16. Olá!
    OMG...que fotos lindas! Essa capa já é uma das minhas preferidas de todos os tempos e ainda acompanha uma almofada e tattoos... também quero....Kkkk... Estou com medo de descobrir qual é esse final surpreendente...rs
    Bjs

    ResponderExcluir
  17. Olá!
    Eu já tinha ouvido falar do livro, mas bem por cima mesmo, uma foto aqui e ali da capa, mas só. Eu não tenho estado muito afim de ler livros de romance, mas sério... Essa resenha me fez ficar louca pra ler esse. Toda essa história de "as coisas acontecem por um motivo" e coisa e tal, eu simplesmente amo esse tipo de coisa. Com certeza vai estar na minha lista de livros!
    Adorei o texto, muito obrigada pela dica!!
    Beijos~

    ResponderExcluir
  18. Oiee Fernanda ^^
    Esse livro é a coisa mais linda, né? Ainda mais apaixonante do que "Tudo e todas as coisas" ♥ gostei muuito da história, e mais ainda dos personagens. Quase tive um ataque com o final, achando que tudo ia ficar por isso mesmo (antes de certa coisa), mas aí a autora foi e me surpreendeu ♥
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
  19. Oi Fernanda,
    Nunca li nada da autora, mas já estou com o livro Tudo e Todas as Coisas nas mãos.
    Mesmo sem saber que vou gostar da escrita da autora, já fiquei com vontade de ler esse livro.
    Sem contar que essa misto de temática trazidas pela autora, me deixam muito curiosas. Principalmente a questão da família da Natasha ser imigrantes ilegais.
    Com certeza anoto a dica.

    Bjs,
    Garotas de Papel

    ResponderExcluir
  20. Oi!
    Eu adorei esse livro, principalmente por ele ser tão improvável de uma maneira tão fofa.
    Adorei os temas abordados pela autora de imigração, como é para quem mora em um país e tem que voltar para o de origem que nunca conheceu e também a pressão para seguir seus custumes natais.
    O final realmente é inesperado, porém fofo, Nicola tem esse dom incrível <3

    ResponderExcluir
  21. Olá!
    Eu sou doida para ler esse livro, tem muita gente elogiando a história e edição. Eu acho que esse livro aborta alguns temas muito importantes, como o racismo e a imigração, o que é tão pouco debatido, mas de extrema importância. Eu vi que muitas pessoas não conseguiram se adaptar a essa coisa do livro se passar em 24h, mas eu achei uma ideia diferente e acredito que isso possa ser algo muito legal e uma experiência divertida. Fiquei curiosa com esse final, porque a terceira resenha que eu leio dizendo que se surpreendeu com ele. Muito obrigada pela dica, com certeza eu vou ler!!!
    Beijos,
    Nay
    Traveling Between Pages

    ResponderExcluir
  22. Oi, tudo bem?
    Já estava de olho em outro livro da autora, mas devo dizer que a premissa desse novo lançamento também me chamou a atenção. Acho incrível os personagens se conhecerem e se apaixonarem em um momento tão corrido e fico bem curiosa sobre as possibilidades poderão ocorrer disso. Também achei legal a autora desenvolver personagens de culturas bem distintas e me parece que ela fez isso de uma forma brilhante. Fico feliz que tenha gostado e espero que me surpreenda também.


    Beijos! ♥

    ResponderExcluir
  23. Oi, Fernanda!
    Já vi alguns comentários bem positivos sobre esse livro e até fiquei curiosa. Gosta da premissa e de histórias nesse estilo, mesmo assim fiquei com um pouco de medo desse final que você falou. A história não é trágica, é? Eu particularmente evito histórias tristes e com finais melancólicos. Vou dar uma chance a leitura porque fiquei curiosa!

    Beijos,

    Rafa [ blog - Fascinada por Histórias]

    ResponderExcluir
  24. Olá!
    Eu não sabia que o livro se passava em um período tão curto de tempo...
    Os temas que você apontou parecem mesmo interessante, mas ainda não senti muita vontade em ler esse livro... Não tenho lido muito esse estilo ultimamente :/

    ourbravenewblog.weebly.com

    ResponderExcluir
  25. Oi Fernanda,
    Preciso muito ler esse livro ainda mais depois da sua resenha e dos outros comentários.
    Beijos,
    André || Garotos Perdidos

    ResponderExcluir
  26. Oi. me arrependi de não ter solicitado esse livro para ler, cada resenha que vejo, a vontade só aumenta. Essa coisa de estar no lugar e na hora certa, depender do destino, brindar o próprio destino, muito me anima. Então, os personagens se conhecem e tudo muda, as certezas não são tão certas, adorei ^^

    ResponderExcluir
  27. Olá!! :)

    Confesso que ja ouvi falar deste livro varias vezes e tenho grande interesse em fazer a leitura! :) Deixaste-me curioso!

    Enfim, adoro quando os capitulos sao intercalados entre as personagens, e tambem quando o final e assim tao imprevisivel!

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  28. Olá, Fernanda.
    Excelente resenha!
    Estou muito ansiosa para ler esse livro porque ele trata de um assunto que tem me interessado muito ultimamente: imigração. Além disso, a questão racial também me chama atenção.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  29. OOi!
    Não vejo a horaaaa de ler esse livro!
    Nunca li um livro da autor, mas tanto esse quanto Tudo e Todas as Coisas parecem ser incríveis e, claro, muitoooo emocionante. Sem contar que os temas, com reflexões, que oslivros trazem são bem interessantes. <3

    ResponderExcluir

© Psiu, vem ler!. Todos os direitos reservados.
Criado por: Fê Goulart.
Tecnologia do Blogger. | Voltar ao topo
imagem-logo