| Resenha #55 | As Gêmeas do Gelo, de S.K. Tremayne | Bertrand Brasil

Exemplar cedido em parceria com a editora
para resenha e divulgação
S.K. Tremayne

Editora: Bertrand Brasil
Páginas: 362

Uma ligação inquebrável
Uma verdade intolerável

Sinopse: Um thriller psicológico aterrorizante perfeito para os fãs de A Garota no Trem
Um ano depois de Lydia, uma de suas filhas gêmeas idênticas, morrer em um acidente, Angus e Sarah Moorcroft se mudam para a pequena ilha escocesa que Angus herdou da avó, na esperança de conseguirem juntar os pedaços de suas vidas destroçadas. Mas quando sua filha sobrevivente, Kirstie, afirma que eles estão confundindo a sua identidade — que ela é, na verdade, Lydia — o mundo deles desaba mais uma vez. Quando uma violenta tempestade deixa Sarah e Kirstie (ou será Lydia?) confinadas naquela ilha, a mãe é torturada pelo passado — o que realmente aconteceu naquele dia fatídico, em que uma de suas filhas morreu? [SKOOB]

  Lydia e Kirstie eram gêmeas idênticas. Só o que as diferenciava eram suas personalidades. Lydia era calma e gostava de ler, muito parecida com Sarah, sua mãe, e isso as tornava muito próximas. Kirstie vivia agitada pulando para todos os lados e era mais chegada ao pai, Angus.
  Nossa história começa com uma fatalidade. Lydia, uma das gêmeas, cai de uma varanda e acaba morrendo. Como se não bastasse, Kirstie afirma que, na verdade, ela é Lydia e que a irmã que morreu foi Kirstie. Para fugir das lembranças e tentar reorganizar a mente de Kirstie, a família Moorcroft – ou o que restou dela – resolve aceitar a herança da falecida avó de Angus e se muda de Londres para Torran, a ilha do trovão. Lá encontram uma casa velha, caindo aos pedaços e muito sinistra.



  Os dias passam e eles vão tentando restaurar a casa e suas vidas, mas Kirstie continua a insistir que é Lydia. Sarah poderia ter ignorado, pensando que a filha apenas estava sofrendo pela irmã, porém existem indícios de que a menina esteja falando a verdade. Portanto, Sarah sai à procura de meios para conseguir identificar as meninas, mas isso já não é mais possível cientificamente. O que fazer, então? Afinal, o que realmente aconteceu naquele dia?
E foi então que ouvi o grito de uma das minhas filhas.
Aquele grito que nunca irá desaparecer. Nunca irá me deixar.
Nunca.
  Confusão, angústia, curiosidade e terror. São essas as palavras-chave para o que senti lendo esse livro. No decorrer da leitura, eu já não sabia mais quem é que estava fora de si. Se era a mãe quem tinha enlouquecido, se a gêmea sobrevivente havia incorporado a outra irmã ou se era o pai era quem não percebia o que acontecia na sua família.



  A história é repleta de mistérios; eu não via a hora de descobrir o que realmente tinha acontecido mas também não queria que o livro acabasse tão cedo. Os momentos em que Kirstie/Lydia conversava com os pais eram apavorante. Os diálogos eram tão naturais que chegava a ser perturbador. Enquanto lia senti vários arrepios. Estava chovendo e trovejando demais no momento em que estava lendo sobre a tempestade no livro e isso só acrescentou mais emoção e mais pavor na história.
Meus dedos estão tremendo – e eu não sei ao certo por quê – quando abro o bilhete e leio. Agora, meu coração também treme.
Mamãe. Ela está aqui, conosco. Kirstie.
  Muitas partes do livro explicam sobre como é a comunicação entre os gêmeos, desde a barriga da mãe. Achei alguns fatos muito estranhos, mas no bom sentido. Como as conversas que eles têm entre si e que somente eles entendem o que estão querendo dizer; sobre a angústia de um, diversas vezes, se refletir no outro também. O modo como muitos compartilham seus medos. Sempre quis ter uma irmã gêmea, então o tema para mim é algo muito interessante, sem falar que é algo muito complexo.
  A diagramação é bem simples, mas agradável. As folhas são amareladas e a letra está em bom tamanho. Além disso, não encontrei nenhum erro ortográfico enquanto lia. O livro é narrado pela Sarah, mãe das meninas, e, em algumas partes em que o pensamento de Angus era mostrado, o livro era narrado em terceira pessoa. Bem no começo, para mim, foi um pouco lento, porém depois o enredo foi me envolvendo e isso continuou até o final, que, para mim, é a parte mais estarrecedora do livro.


Lydia está segurando o leopardo bem firme, como se temesse que o vento fosse arrancá-lo de seus braços. E por que não? O gemido do vento contra as árvores parece mais uma matilha de lobos. Estamos sendo perseguidas pelo tempo: uma enorme besta à espreita, esmurrando as janelas, em busca de suas presas.
  Durante a leitura encontramos imagens um tanto quanto medonhas de lugares escuros, pinturas estranhas, casas velhas e mares. Além de eu ter achado a capa do livro muito bonita, ela condiz totalmente com a história.
 É uma leitura muito interessante para quem gosta de suspenses e terror. O fato de as meninas serem gêmeas completamente idênticas só deixa o enredo mais assustador e é apavorante imaginar isso realmente acontecendo. Não posso garantir que vão se arrepiar como eu com esse livro, porém posso dizer que é uma leitura que vale a pena.
  Alguém pretende ler o livro? O que acharam desse suspense?

Avaliação:
4/5

Comentários

  1. Olá! Não conhecia o livro ainda, mas já me interessei pelo enredo e pela temática! Sua resenha está realmente muito boa e achei a capa bem convidativa.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Olá,
    Eu assumo que não me interessei pela capa. Achei um tanto estranha e simples. Depois que eu vi a sua resenha já fiquei com medo kk Sou extremamente medrosa e tenho certeza que não vou conseguir dormir se ler esse livro. Acho melhor deixar para o futuro, quem sabe.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Ooi
    Pesado hem?
    Achei a capa simples mas bonitinha.
    A história parece bem mistérios e interessante, mas eu sou bem fraca com alguns suspensões e terror. Acho que eu seria uma das que iria se arrepiar haha
    Leria só para ver o que sentiria.
    Beijoos!
    www.estantemineira.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oi, não conhecia o livro, mas achei a premissa bem interessante e acho que leria, mas como você disse há imagens meio medonhas e estranhas no livro, o que pode me dar um pouco de medinho e como disse, o livro tem um toque de terror, então não sei se conseguiria ler, já que sou meio medrosa e fujo desse tipo de livro, entretanto, acho que me arriscaria com esse livro.
    bjus

    ResponderExcluir
  5. Oi Lara.
    A única palavra chave que não gostei de encontrar nessa resenha foi terror, sou bem medrosa, e já imaginada um enredo puxando pra algo medonho.
    Eu até quero fazer essa leitura porque sou curiosa, e adoro desvendar um bom mistério, mas vou ler durante o dia, e de preferência em dia ensolarado e bem bonito, pra não ficar tão apavorada hahaha.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  6. Caramba, esse livro deve ser tenso e agora estou aqui me perguntando que gêmea na verdade morreu e o porque da outra querer tomar seu lugar. Estou muito curiosa e acho que a leitura deve ser algo bem sinistro,mas super empolgante.

    Com toda certeza irei atrás da leitura.

    bjsss

    Apaixonadas por Livros

    ResponderExcluir
  7. Olá,tudo bem?
    Adoro esse estilo de leitura por isso fiquei interessada nesse livro quando soube do seu lançamento, mas a sua resenha é a primeira que leio e fiquei feliz em constatar que o enredo parece ser tão bom quanto eu imaginava.
    Ótima resenha,parabéns!
    Bjs!

    Por Livros Incríveis
    www.porlivrosincriveis.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Quando eu vi esse livro nos lançamentos da editora eu me interessei bastante por ele, mas agora ao ler a sua resenha eu já fiquei com o pé atrás. Eu não esperava de ter esse ar sombrio tão forte e morro de medo para essas coisas. Mesmo assim, eu quero ler o livro mas com uma pontinha de medo por trás.

    ResponderExcluir
  9. Nossa, eu li esse livro e percebi a tensão desde as primeiras páginas. Para mim foi uma leitura muito válida, especialmente o desfecho. Realmente, ele é bem sombrio e foi exatamente por isso que me interessei por ele. Sua resenha demonstra bem o que eu senti, e concordo plenamente sobre ser arrepiante. A capa condiz mesmo com a história, sem contar que é linda!
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
  10. Li sua resenha já fazendo minhas deduções e achei o enredo bem sombrio e mesmo não sendo o tipo de leitura que faço sempre, acho que leria e apreciaria do começo ao fim.
    Quero muito ler.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Oi
    Acabei de ler esse livro e confesso que me deu arrepios em diversas partes!
    Em muitas partes ficamos loucos de tensão imaginando qual das gêmeas está viva.
    E o final então? Quero nem pensar.
    Adorei a sua resenha!
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  12. Olá Lara,
    Estou muito curiosa para fazer essa leitura! Cada resenha que leio fico muito mais ansiosa.
    Gostei de saber que o livro arrepia em alguns momentos e que há uma parte sobre a comunicação de gêmeos, sempre quis ler algo assim!
    Adoro essa temática de gêmeos que não se sabe quem é quem.
    Pelo visto, vou ter que quebrar minha promessa e comprar esse livro para ontem rs.
    Adorei a resenha.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  13. Oi, tudo bem?
    Realizei essa leitura recentemente e gostei bastante dessa história!
    Não foi um dos melhores do gênero que já li, mas sem dúvidas foi uma boa leitura.
    O livro não me provocou muitos momentos de terror, mas me deixou muito curiosa e cheia de teorias para o que estava realmente acontecendo.
    Achei o cenário da trama bem legal. O fato de boa parte da história se passar em uma ilha isolada e durante uma tempestade é muito bacana e torna as coisas mais assustadoras.

    Beijos :*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  14. Gentes, adorei a resenha!
    Que premissa incrível! Faz tempo que não leio um suspense, então pretendo ler sim! Muita gente tem falado desse livro e minha curiosidade só aumenta! Os suspenses que envolvem irmãs gêmeas sempre são os melhores! Só pela capa não chamaria minha atenção, mas a trama é envolvente demais!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  15. OI, Lara
    Estou bem curiosa para ler esse livro e adorei saber que gostou. Só lendo para saber se ia me arrepiar como você. Adoro leituras cheias de mistério, então me daria bem com esse livro.
    ESpero não demorar para fazer a leitura. Ótima resenha.

    ResponderExcluir
  16. Estou vivendo aquele momento: "não sabia nada desse livro, mas já o considero pacas" (rs). Uau, que resenha. Eu adorei saber que esse livro consegue apresentar um mistério com tanta tensão e angústia... Gente, coitada dessa mãe tendo perdido uma filha e com a outra parecendo estar vivendo um luto conturbado. Não saber se essa gêmea é mesmo uma ou é a outra, nossa, que horror. Gostei. (rs) Quero ler.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.com.br

    ResponderExcluir
  17. Oi!!!
    Já conhecia esse livro a um tempinho mas até então nunca tinha me interessado em saber mais sobre a estória e sua resenha foi a primeira que li.
    Adorei a sinopse e o que pode desenrolar no decorrer do do livro. Com certeza estará na minha lista de comprinhas,quero saber se a irmã sobrevivente é Lydia =P

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/2016/04/resenha-nove-regras-ignorar-antes-de-se.html

    ResponderExcluir
  18. Helloo, Lara! Tudo numa nice?!
    Eu amei toda a pegada de suspense envolvida e foi palpável as suas emoções na resenha que acabaram transpondo para mim todo o mistério envolvido. Eu não dava nada por esse livro por causa da capa. Achei bem feinha e não curto muito quando os personagens aparecem, sei lá, de costas eu não ligo, mas essas duas meninas embutidas ficou meio que estranho, como em relevo e pareceu puro photoshop, o que na verdade é, mas um pouco mal feito. Pode ser porque estou vendo de longe. Mas, isso não importa porque eu realmente me senti convencida a ler essa obra. Parece arrasadora. Entendo um pouco essa coisa de gêmeos porque tenho duas irmãs gêmeas e elas são muito ligadas, apesar de serem bivitelinas. As pessoas dizem que elas se parecessem demais, eu não acho, mas talvez porque eu sou a irmã. Enfim, I got chills in this!!
    Beijin...
    http://piecesofalanagabriela.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Olá, eu li o livro recentemente e curto muito, eu adoro esse gênero mais assustador e com um bom suspense e mistério, e confesso que fiquei o tempo todo tentando desvendar os segredos. Fico feliz em ver que você gostou e com toda certeza eu amei e sempre vou indicar ele.

    Beijos

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2016/04/resenha-desvende-meu-coracao.html

    ResponderExcluir
  20. Oi!
    Eu lembro que fiquei louca por esse lançamento da editora, pois além de serem gêmeas ideinticas, o mistério que envolve o livro é incrível, e imagino que você tenha ficado mesmo querendo saber o que aconteceu e ao mesmo não querendo terminar o livro.
    Gostei de saber que o livro trata da comunicação de g~emeos, sempre quis saber mais sobre isso, e acredito que introduzir isso em um thiller deve ser fantastico e assustador

    ResponderExcluir
  21. Nossa, eu não sou muito fã de livros do gênero, mas me bateu uma forte curiosidade kkkkk
    o que fazer ?
    Já tinha visto o lançamento do livro, mas não sabia que ele tinha fotos :O
    Jesus amado, eu quero, mesmo sendo muito medrosa.

    ResponderExcluir
  22. Olá linda,

    Eu já tinha colocado esse livro no Skoob como Desejado porque sou apaixonada por suspenses e Thrillers e esse parece ser cheio de mistérios e tensão, o que aumenta minha curiosidade de em breve lê-lo e me deliciar com a leitura.

    Beijocas,
    poesiaqueencantavida.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  23. Olá, tudo bom?
    Não gosto muito de terror, suspense, por ser muito medrosa! O simples fato de ler algo de terror me deixa sem dormir por dias, se for acompanhado de imagens medonhas então (como você falou).... rs Entretanto, fiquei curiosa em realizar a leitura da obra pelos sentimentos que a mesma provocou em você! Então, bem, vou tentar realizar a leitura e vamos ver no que dá! rs

    Beijos!
    @PollyanaCampos
    Entre Livros e Personagens

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Resenha #108 | A Mamãe é Rock, de Ana Cardoso | Editora Belas Letras