{Parceria + Entrevista} Magali Polida



     A cada dia minhas palavras para agradecer todas as oportunidades que recebo como blogueira e escritora se esgotam. Ver que o que faço está progredindo cada vez mais e ter a chance de receber o apoio daqueles que tornam meu trabalho possível é uma verdadeira honra. Nas últimas semanas, conheci a garota que rodopia, a menina que sopra alívio e é filha da fé. Tive a honra de firmar parceria com a escritora Magali Polida. Ela é autora de A Menina do Panapaná e do lançamento Bichomemulher, através da Editora Divas. Nessa publicação, conheceremos um pouco sobre a autora e suas obras e, posteriormente, uma entrevista que realizei com Magali.
João 11
25  Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida; quem crê em mim, ainda que esteja morto, viverá;
26  E todo aquele que vive, e crê em mim, nunca morrerá. Crês tu isto?



Título: A Menina do Panapaná
Páginas: 84
Editora: Livros Ilimitados
Página no Skoob: Clique aqui
Onde comprar: Livraria Cultura
Sinopse: A Menina do Panapaná é a força e o desânimo, a dor e o alívio, é o encontro de dois ferozes sentimentos dentro da arena humana. Neste conflito diário é preciso fazer-se poesia. Surge então o equilíbrio, o salvador de duas pátrias. Essa menina, assim como muitos de nós, cede sua barriga, que nada mais é do que suas vontades. Tem sede desse coletivo de borboleta, porque temos sede de possibilidades, que podem ser voos ou quedas. Esse panapaná e cada uma dessas criaturinhas que a carregam e ao mesmo tempo são carregadas fazem com que os voos aconteçam. Ana Jácomo diz que 'Do casulo às asas ensinam as borboletas.'. Esse livro é baseado em um sentimento chamado Dor de Magali Polida e Priscilla Miranda e em sentimentos que chamaremos de Alívios, mostrando-nos que num precipício, antes da queda, existe uma vontade chamada Voar. É voe. Evoé. [12.03.2012 – 18h56min]


Título: Bichomemulher
Editora: Divas
Página no Facebook: Clique aqui
Sinopse: O bicho é um movimento brusco, e esse movimento pode tender para águas tranqüilas ou para o fogo, que se apagou, mas deixou as brasas, que ferem do mesmo jeito. O bicho é violento, é irracional. Conflitua-se com o amor, que é sereno. Esse movimento, eu busco.
O amor não é luto, não é luta, é vencedor. Somos nós, homens e mulheres, os bichomemulheres que precisamos lutar para acreditar que ele existe e que podemos vivê-lo em sua plenitude.



II: Repleto de palavras bem pensadas e pesadas, Bichomemulher é o livro que nos faz refletir sobre diversos atos, assuntos e sentimentos. O que pode nos contar sobre seu mais recente lançamento?

MP: O livro Bichomemulher, é mais um livro que nasceu de uma dor. De um conflito entre pessoas amadas. De um mal estar, de uma dor aguda que só se dissipou quando deixou de ser raiva e se transportou para a terra do alívio. Escrever é deixar qualquer sentimento ruim de lado. Esse livro mostra um pouquinho dos sentimentos humanos. Principalmente o amor e a raiva.


II: O que a levou a escrever uma obra com lindos provérbios e tantos aforismos? Qual foi a inspiração para tal criação?

MP: Aflorismos? Gosto de ver o lado onde há flor e lirismos.  Mesmo que do outro lado não tenha ninguém rindo.
O título Bichomemulher nasceu de um momento muito doído, de uma situação em que um médico se comportou como um doido.  “De médico e de doido todo mundo tem um pouco”. Fiz questão de colocar o fato no livro em: A origem do título. Porém, não devemos, nem podemos deixar que o mau tome conta de nossa vida. Só se for por 30 segundos. Por isso, transformo em algodão e açúcar aquilo que não consegue levitar.

II: Quem a acompanha pelo perfil pessoal no Facebook, pode notar a frequente publicação de lindos versículos bíblicos. Como evangélica, acho cada vez mais encantadoras as coisas que você publica por lá. Há a possibilidade de uma obra, ou algo parecido, sobre o assunto ou são mensagens reflexivas para cada momento?

MP: A dedicatória do livro Bichomemulher começa da seguinte forma: “ Numa oração, que me desculpe a gramática, mas o importante é a fé e não o sujeito.” Seria impossível vivermos sem fé. Pode-se até ser ateu. Mas as pessoas precisam de coisas em que acreditem. Eu poderia dizer que decidi acreditar em Deus, mas isso seria muita prepotência da minha parte. É ele quem acredita em mim. Sou filha da fé. Enquanto não alcanço o céu, lambo-o. No livro Bichomemulher há um capítulo chamado Cumulus- cirrus. Que fala sobre isso.
Os versículos em minha página pessoal são para nos fortalecer. Nem só de pão e poesia viverá o homem, mas sim de toda palavra que ele puder ouvir e abraçar.

II: Há algum tempo, você também publicou A Menina do Panapaná, que aborda assuntos semelhantes aos do Bichomemulher, com alguns caminhos divergentes. Poderia nos apresentar melhor a obra?

MP: Sim, minhas obras têm algo de semelhantes. Dor e alívio. Somos tomados o tempo todo por dores. E vivemos uma busca incessante por alívios. Tento aliviar um pouquinho as mazelas humanas.  O livro A menina do Panapaná, nasceu da vontade de abraçar e aliviar nem que fosse um pouco a dor de uma amiga que sofria de fibromialgia. Não pude abraçá-la, pois eu residia em Pernambuco e ela em Minas Gerais. Fiz um livro. E as poesias nele contidas sopram alívios.

II: É notável e admirável o poder que você tem de conquistar pessoas com seus poemas e sua simpatia. Suas palavras causam alegria e emoção. Pensa em, futuramente, escrever obras de outros gêneros literários?

MP: Sim, estou escrevendo alguns livros.  Mais de dez para ser bem sincera. Alguns estão pré-prontos e espero lançá-los em breve.  São eles A mulher da mala marrom (Romance), Como vai o mundo? Volver de Almodóvar (Poesia) e A mordida do caos (Crônicas). Agora, quanto a frase “É notável e admirável o poder que você tem de conquistar pessoas.” É notável o qual admiráveis são as pessoas-anjos que Deus me envia. E os anjos enviados por Deus para contribuir para esse livro são três meninas que me ninam e que eu amo muito, muito, muito. É a Zi Nunes (Diagramadora, revisora, blogueira e Autora. Uma mulher multifacetada!), a Lilian Farias (Autora do Livro O céu é logo ali e de As mulheres que não sabem chorar) e Tallita Fluvial (Assessora de assuntos mágicos, Autora do livro Tallitário que em breve será lançado).

II: Além de escritora, quem é Magali Polida?

MP: Magali Polida é uma menina que rodopia enquanto caminha quando tem pensamentos felizes. Peter Pan, nesse caso, voaria. Eu sou bem mais simplezinha: Rodopio.

Sobre a autora:
   Escritora, poetista, pedagoga, poetriz, artesã, artista plástica e seus interesses pessoais são públicos desde o seu nascimento em 1981 na cidade de São Paulo. Mora há 22 anos em Pernambuco e considera-se cidadã pernambucana.
   Autora também do livro A menina do panapaná.


     Magali, muito obrigada por nos conceder parte de seu tempo para responder nossa entrevista. É uma honra para nós ter você em nossa elite de parceiros. Torcemos para que a parceria traga milhares de benefícios a ambas as partes e lhe desejamos muito sucesso!

Comentários

  1. Aqui é um cantinho para se tomar café e ler. É aconchegante! - Encantada e agradecida por tudo ;-}

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Café é minha especialidade. Terás sempre uma poltrona reservada para ti em nosso cantinho. ♥

      Excluir
  2. Olá!! Adorei a entrevista!! As obras são diferentes de tudo o que eu já li e parecem ser de uma simplicidade encantadora! Me conquistou! Gostei muito da autora e do seu jeito de abordar sentimentos!!

    Beijos

    Mari
    cantinhodeleituradamari.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A vida deve ser simples para que o nosso coração seja majestoso ;-}
      Obrigada pelo recadinho, Mar i céu.

      Excluir
  3. Oi! ^^
    Não conhecia a autora. Achei interessante e diferentes os livros que ela publicou. Passam a ideia de uma sensibilidade e ao mesmo tempo uma simplicidade muito bem dosadas. Achei também muito simpática pelas respostas da entrevista! :)

    Beijussss;
    http://hipercriativa.blogspot.com.br/
    https://www.facebook.com/BlogMenteHipercriativa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie :3
      Fiquei encantada com as obras da Magali assim que conheci e fui tomada pela ansiedade de conhecer a escrita da autora. Ela é um amor mesmo. ♥

      Obrigada pela visita. *-*

      Excluir
  4. Oi, Tudo bem?
    Primeiramente parabéns pela parceria e que renda bons frutos para ambos os lados.
    Eu adorei a resposta dela quando você perguntou se pretendia escrever algum livro com reflexões bíblicas. Eu concordo com ela.
    Adorei conhecer.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie! Tudo ótimo e com você?
      Obrigada! Também torcemos para que bons frutos surjam e, com certeza, irão surgir.
      Adorei todas as respostas dela, mas fiquei encantada com essa em especial.

      Obrigada pela visita. ♥

      Excluir
  5. Oii! Tudo bom? Não conhecia a autora, desejo tudo de bom e que a parceria seja um tremendo sucesso!! Espero as resenhas, beijos!

    http://livrosepergaminhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Suzana! Faremos de tudo para a parceria ser um arraso! ♥ Logo, logo terá resenha e também uma surpresa para os leitores. *-*

      Obrigada pela visita!

      Excluir
  6. Confesso que não conhecia a autora e entrevistas são ótimas oportunidades de saber um pouco mais de escritoras talentosas como ela. Fico feliz com a parceria de vocês e desejo que seja algo maravilhoso para as duas.
    Achei interessante a autora utilizar a escrita para superar dores e sentimentos negativos. Com certeza é um ato de catarse e quanto mais falar e colocar para fora tal sentimento mais leve ele será para quem o sente.
    Enfim gostei de saber um pouco mais sobre a autora e seus trabalho.

    Leituras, vida e paixões!!!!

    ResponderExcluir
  7. Olá... tudo bem?
    Não conhecia a autora... e achei ela maravilhosa, correndo agora para segui-la no facebook, achei a entrevista enriquecedora e inspiradora... ela sempre com palavras positivas que nos encanta e nos emociona... desejo muito sucesso a ela... que seus livros possam alcançar o máximo de pessoas que puder, porque esse tipo de leitura tem que ter em todos os lugares de fácil acesso, para todas as pessoas... parabéns pela parceria e desejo muito mais muito sucesso a autora e ao blog... Xero!

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?
    parabéns pela parceria!!
    Eu não conhecia a autora, e achei a entrevista super interessante e informativa. Fiquei curiosa para ler Bichomulher só pela forma que ela falou que ele nasceu, o que o levou a ser escrito. Só pelas resposta já imagino que os livros devem ser ótimos, pois adorei a forma da autora se expressar.
    Desejo muito sucesso a Magali!
    E aguardo resenhas, rs
    beijos
    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oie, tudo bom?
    Gostei da entrevista por me mostrar uma autora que eu não conhecia. Fiquei curiosa com o livro Bichomulher e achei a capa interessante. Muito sucesso para a autora!
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi flor, tudo bem?

    A autora parece uma fofa. Não conhecia ela e nem o livro. Adoro livros que fazem refletir, que tem uma mensagem bacana... Parabéns para a autora pelo livro.

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  11. Oi, tudo bem?

    Não conhecia a autora e nem os livros dela, mas achei bacana a entrevista, gosto de conhecer novos autores.

    beijos,

    http://www.lendoeesmaltando.com/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

[Divulgação] Zip Anúncios